sexta-feira, 5 de novembro de 2010

ROTINAS E RETICÊNCIAS


Vejo coisas qeu nem existem...
Troco letras...
Tropeço nas esquinas...
Calo por indisposição...
Faço flerte com o dia
Quando saio pela manhã...
Tudo tem aparência de novo.
Parece não sei o quê...
Uma fórmula para sorrir,
...Não ter razão para chorar...
Devo uma grana para minha analista.
Volta o calor, retorna o frio...
O clima não tem previsão.
Hoje foi surpresa...
Continuo a flertar com o dia...
Porque à noite os bares flertam comigo.
Cervejas geladas, conhaque com limão...

(Célia Demézio)

Um comentário:

  1. ... e depois das cervejas geladas, do conhaque com limão, a noite se vai, sem avisar... e o dia chega, de mansinho, querendo flertar comigo - mais um dia...

    beijo procê, poeta que tece musica - fio a fio...

    ResponderExcluir

Loading...
Loading...