terça-feira, 14 de abril de 2009

DISSONÂNCIAS INSPIRADORAS



Transpirando suores frios,
Impaciente nos pontos de ônibus.
Tentando fazer versos por força do hábito,
Engolindo o almoço.
Ouvindo sons pra lá de antigos,
Esperando o sinal abrir.
Vivendo calmamente,
Sobrevivendo de assuntos mornos.
Alguns trocados na carteira,
Anéis que vão se perdendo pelo caminho.
Jazz... Jazz... Jazz...
O tempo parece dissonâncias inspiradoras

Um comentário:

  1. É verdade que o tempo parece uma dissonância, embora nem sempre inspiradora para mim.
    Gostei muitíssimo de teu texto, valeu

    Beijo

    ResponderExcluir

Loading...
Loading...